.
 

Tratamento de doenças crônicas Santana do Acaraú CE

Encontre tratamento de doenças crônicas em Santana do Acaraú. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região, aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Maria do Perpetuo S S da Cunha
3486-6165
Av Dom Luis 1233
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Maria Amelia Simoes P Nogueres
3252-4400
Av Tristao Goncalves 1343
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Medicina Nuclear

Dados Divulgados por
Luciana Maria Caccavo Miguel
(85) 9995-3903
Visconde de Maua 556
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Medicina Intensiva

Dados Divulgados por
Denise Nunes Oliveira
3088-2440
R Nunes Valente 2105
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Heloisa Beatriz de Holanda
3271-2091
R Doutor Jose Furtado 1660
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Maria do Socorro Silveira Magalhaes
Rua Pe Luis Figueira 550
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Vera Maria Sampaio Monteiro
3486-6166
Av Dom Luis 1233
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Maria Albertina T de C Linhares
3254-3721
Av Tristao Goncalves 733
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Gentil Claudino de Galiza Neto
3224-9129
R Silva Paulet 907
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Ivan Nobre Rabelo
Av Oliveira Paiva. 1976
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Tratamento de doenças crônicas

Fornecido por: 

Pesquisadores da Embrapa Agroindústria de Alimentos querem estimular no brasileiro o hábito de comer frutas e hortaliças que, atualmente, está muito abaixo do total recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que é de 400 gramas por pessoa, no mínimo, por dia. O consumo médio por brasileiro é de apenas um terço dessa quantidade recomendada pela entidade.

Para isso, a Embrapa Agroindústria de Alimentos desenvolveu um projeto de promoção do consumo de frutas, legumes e hortaliças (FLV). A coordenadora do projeto, Virginia Matta, informou que o projeto pretende estimular o consumo desses alimentos por meio da distribuição de livretos educativos, em uma ação que abrange as famílias, escolas e creches, pontos de venda e empresas. Inicialmente, a ação será desenvolvida em Guaratiba, na zona oeste do Rio.

Virginia Matta disse que a população brasileira, de um modo geral, ainda não percebeu os benefícios que a ingestão de frutas e hortaliças traz para a saúde. “É preciso levar às pessoas o conhecimento de como é fundamental, cada vez mais, o consumo de frutas, legumes e verduras para a promoção e a manutenção da saúde”. O projeto FLV busca promover uma mudança de hábito no brasileiro.

Segundo Virginia, a ingestão desses alimentos protege o organismo contra deficiências de vitaminas e minerais e aumenta a resistência às infecções. “Hoje já se sabe que esse é um dos principais fatores de risco para doenças não transmissíveis, as doenças crônicas, como doença cardiovascular, diabetes, obesidade e alguns tipos de câncer. O não consumo ou o consumo abaixo do recomendado é um dos dez principais fatores de risco para essas doenças. Se você não consome, está mais sujeito a essas ocorrências”, revelou.

Com base na última pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Virginia afirmou que o consumo de frutas e hortaliças é baixo em todo o país, independente da classe de renda. “A gente sabe que a diferença é maior nas classes mais baixas. Mas mesmo as classes média e alta têm consumo ainda abaixo do recomendado”. Isso decorre principalmente da falta de hábito e de um problema de desinformação, explicou.

O projeto “Construção de uma estratégia de intervenção em n&iac...

Clique aqui para ler este artigo na SIS.Saúde

.

SIS.SAÚDE - Sistema de Informação em Saúde - Brasil - Rua Cel. Corte Real, 75 - Bairro Petrópolis - 90630-080 Porto Alegre-RS
O SIS.Saúde tem o propósito de prestar informações em saúde, não é um hospital ou clínica.
Não atendemos pacientes e não fornecemos tratamentos.
Administração do site e-mail: contato@sissaude.com.br. (51) 8575.3535