.
 

Tratamento de alergias oculares Rondonópolis, Mato Grosso

Encontre tratamento de alergias oculares em Rondonópolis. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região, aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Diogenes Garrio Carvaho
(66) 3426-5085
Papoulas 444 - Bl1 Casa 7
Rondonopolis, Mato Grosso
Especialidade
Medicina de Família e Comunidade

Dados Divulgados por
Naíra Domingos Sé
(65) 3322-2504
Rua Rua dos Líriosº 525
Cuiaba, Mato Grosso
Especialidade
Nutrologia

Dados Divulgados por
CLINICA MOQUEGUA
0051942938882
AVENIDA IQUITOS 1395
BRASIL, Mato Grosso
Especialidade
FISIOTERAPIA

Clínica Médica Mady Ltda
(65) 3625-1491
r Manoel Ramos Lino, 223, Coophamil
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
Antônio M Silva
(65) 3321-4451
r Joaquim Murtinho, 940 Centro Sul
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
Eliane Solange de Souza Pires
(65) 3617-1688
Cuiaba, Mato Grosso
Especialidade
Medicina de Família e Comunidade

Dados Divulgados por
Diogenes Garrio Carvaho
(66) 3426-5085
Papoulas 444 - Bl1 Casa 7
Rondonopolis, Mato Grosso
Especialidade
Medicina de Família e Comunidade

Dados Divulgados por
Cardioclin
(65) 3027-3040
r Joaquim Murtinho, 551
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
Audimet Auditoria em Saúde e Medicina do Trabalho
(65) 3321-8725
r Des José Mesquita, 303 Araés
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
Anedson Aires
(65) 3642-2210
Rua Esmeralda, 675, Bosque da Saúde
Cuiabá, Mato Grosso
Especialidade
Medicina e Estética

Dados Divulgados por

Tratamento de alergias oculares

Fornecido por: 

Nessa época do ano é muito comum o surgimento de diversas alergias e problemas de saúde, e a conjuntivite é uma das doenças que costumam ocorrer com mais facilidade nesse período. “No verão o maior contato com outras pessoas e a maior quantidade de componentes no ar causam mais sensibilidade nos olhos, o que facilita a transmissão da conjuntivite”, explica Marco Canto, oftalmologista e diretor da Clínica Canto.

A conjuntivite é uma inflamação da conjuntiva, uma membrana que reveste a parte branca do olho e a superfície interna das pálpebras. A doença pode ser causada por vírus ou bactérias. “Na conjuntivite bacteriana, o comprometimento é mais externo e os olhos ficam vermelhos congestionados, com secreção purulenta (aspecto amarelado, grosso) que gruda nos cílios, sem lesões corneanas em geral”, esclarece Marco Canto. Já na conjuntivite viral, a infecção atinge internamente o tecido conjuntival e a córnea. “Esse tipo de conjuntivite lesiona a célula, o que é muito mais grave, pois deixa mais seqüelas, e o tratamento leva muito mais tempo”, acrescenta.   A transmissão da doença é pelo contato direto ou pelo ar, como por exemplo, pelas mãos, por toalhas, cosméticos, uso prolongado de lentes de contato, poluição do ar, fumaça de cigarro, sprays, produtos de limpeza e outras substâncias. Pessoas com o sistema imunológico mais comprometido podem ser mais suscetíveis à doença, como usuários de medicações ou drogas, pessoas idosas ou portadoras de alguma doença. Por isso, a importância da prevenção. “Para evitar a conjuntivite é necessário manter a higiene, lavar sempre as mãos, evitar ambientes poluídos ou fechados e não coçar os olhos”, ensina o oftalmologista.   Sintomas e tratamento   Os principais sintomas da conjuntivite são os olhos vermelhos, coceira, lacrimejamento, inchaço das pálpebras e sensação de corpo estranho dentro do olho - como se você possuísse areia nos olhos. Caso tenha alguns desses sintomas, você deve logo consultar um oftalmologista. “Quando a conjuntivite não é tratada e diagnosticada corretamente pode levar a problemas mais sérios, causar perda parcial e até total da visão”, alerta o oftalmologista.   A conjuntivite dura poucos dias até duas semanas, dependendo da causa. O tratamento para a conjuntivite bacteriana é feito ...

Clique aqui para ler este artigo na SIS.Saúde

.

SIS.SAÚDE - Sistema de Informação em Saúde - Brasil - Rua Cel. Corte Real, 75 - Bairro Petrópolis - 90630-080 Porto Alegre-RS
O SIS.Saúde tem o propósito de prestar informações em saúde, não é um hospital ou clínica.
Não atendemos pacientes e não fornecemos tratamentos.
Administração do site e-mail: contato@sissaude.com.br. (51) 8575.3535