.
 

Tratamento contra câncer de peritônio Barbalha CE

Encontre tratamento contra câncer de peritônio em Barbalha. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região, aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Luciana Gomes da R Arruda
3272-6414
Av Pontes Vieira 2591
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Teresa Neuma Albuquerque Gomes
3246-0240
R Nunes Valente 2110
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Jose Pedro Menezes Silva
3267-6625
R Tomas Rodrigues 60
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Regis Oquendo Nogueira
3288-4549
R Papi Junior 1222
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Medicina Nuclear

Dados Divulgados por
Maria do Socorro Silveira Magalhaes
Rua Pe Luis Figueira 550
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Jorge Cambraia Filho
(085) 4011-5582
Av. Dom Luis 1200 - Torre Business (Sala 1311)
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Medicina Estetica

Dados Divulgados por
Joao Quintino Nt
3226-9650
R Guilherme Rocha 253
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Heloisa Beatriz de Holanda
3271-2091
R Doutor Jose Furtado 1660
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Maria Amelia Simoes P Nogueres
3252-4400
Av Tristao Goncalves 1343
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Medicina Nuclear

Dados Divulgados por
Jose Alberto Rocha
3368-8999
Av Edson da Mota Correia 714
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Tratamento contra câncer de peritônio

Fornecido por: 

A incidência de câncer de peritônio – doença que afeta a membrana que envolve os órgãos abdominais – tem crescido nos últimos anos, principalmente na população masculina com idade acima de 50 anos, segundo especialistas. Embora ainda desconhecida pela população, a doença tem sido bem mais debatida desde que a apresentadora Hebe Camargo foi diagnosticada com a condição.

O câncer de peritônio é classificado em primário e secundário. O câncer primário, ou mesotelioma, se forma na própria membrana, e o secundário, ou carcinomatose peritonial, se inicia em algum órgão da região – sobretudo intestinos, ovário, útero, estômago, pâncreas e reto – e, por metástase, invade o peritônio.

Segundo o oncologista Fernando Medina da Cunha, diretor Científico do Centro de Oncologia Campinas, cerca de 70% a 80% dos pacientes diagnosticados com câncer primário no peritônio tiveram exposição ao asbesto presente no amianto, que, na década de 70, era usado na fabricação de telhas e caixas d’água. “A exposição ao produto não leva ao câncer rapidamente, apenas décadas depois. Assim, quem se expôs ao produto entre os anos de 1950 e 1980, por exemplo, quando era liberado no país, só agora vê a manifestação da doença. Por isso, o aumento da incidência”, explica o especialista.

Os outros 20% a 30% da incidência da doença ainda têm causa desconhecida. O oncologista afirma que pode ser resultado do próprio envelhecimento humano. “Sabe-se que quanto mais uma pessoa envelhece, mas fica exposta a erros na divisão celular, que marca o início do câncer”, afirma Medina.

Os sintomas da doença, segundo o especialista, podem incluir dor abdominal, massa abdominal, aumento da circunferência abdominal, distensão do abdômen, ascite (fluído no abdômen), febre, perda de peso, fadiga, anemia e distúrbios digestivos. “O tratamento padrão associa a retirada cirúrgica do maior volume possível de tumores e sessões de quimioterapia, assim como está sendo feito com a apresentadora. Porém, por ser uma cirurgia muito extensa, nem sempre é possível fazê-la em um primeiro momento”, pondera. Excesso de líquidos na cavidade abdominal e a extens&a...

Clique aqui para ler este artigo na SIS.Saúde

.

SIS.SAÚDE - Sistema de Informação em Saúde - Brasil - Rua Cel. Corte Real, 75 - Bairro Petrópolis - 90630-080 Porto Alegre-RS
O SIS.Saúde tem o propósito de prestar informações em saúde, não é um hospital ou clínica.
Não atendemos pacientes e não fornecemos tratamentos.
Administração do site e-mail: contato@sissaude.com.br. (51) 8575.3535