.
 

Psicologia Águas Lindas de Goiás, Goiás

Esta página disponibiliza informações sobre arte, música, teatro e uma lista de empresas e profissionais especializados no assunto na cidade de Águas Lindas de Goiás. Encontre abaixo empresas e profissionais da região de Águas Lindas de Goiás que oferecem diversos produtos e serviços relacionados e ainda esclareça suas dúvidas sobre depressão, ansiedade e tratamento para depressão.

Maria L Porto
(61) 3351-0640
C 12 lt 1/2 bl B s 106
Taguatinga, DF
Especialidade
Psicologia

Dados Divulgados por
Eliane Arrais Jardim
(61) 3351-8889
C 1 s/n lt 1/12 sl 813
Taguatinga, DF
Especialidade
Psicologia

Dados Divulgados por
Elionai G Patriota
(62) 3321-0950
Rua João Aires 197 s 4
Anapolis, Goiás
Especialidade
Psicologia

Dados Divulgados por
Norma Antônia Batista Ferreira
(62) 3281-7129
Rua 104 Q F22 219 lt 31 s 22
Goiania, Goiás
Especialidade
Psicologia

Dados Divulgados por
Núcleo de Orientação da Vida-NOVI
(62) 3218-6563
Rua 29 Q 66 62 lt B
Goiania, Goiás
Especialidade
Psicologia

Dados Divulgados por
Maria Luci Porto
(61) 3351-0640
C 12 s/n lt 1/2 bl B s 106
Taguatinga, DF
Especialidade
Psicologia

Dados Divulgados por
Maria das Graças de Lourdes Andrade
(62) 3255-9807
Av T 63 Q 147 695 Lt 1/2 s 207 Ed. Aquarius Center
Goiania, Goiás
Especialidade
Psicologia

Dados Divulgados por
Patrícia Lôbo Neuropsicóloga
(62) 3093-2744
Rua João de Abrei n° 192 Ed. ATOM sl A-16 Setor Oeste
Goiania, Goiás
Especialidade
Psicologia

Dados Divulgados por
Emiliana Gondim Oliveira Naves
(62) 3229-3526
Rua 17 A Q 28a 903 lt 14 s 403
Goiania, Goiás
Especialidade
Psicologia

Dados Divulgados por
Grácia Maria Fenelon
(62) 3214-2728
Av República Líbano Q D7 2417 lt 76/77 s 401
Goiania, Goiás
Especialidade
Psicologia

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Arte e música pode ajudar a combater a depressão e ajudar as pessoas a se sentirem mais saudáveis

Fornecido por: 

     
 
Mas o dado mais importante, dizem os pesquisadores, é o fato de que a descoberta dessa ligação entre participação cultural e saúde foi observado em todos os níveis sócio-econômicos

Se você pinta, toca um instrumento musical ou simplesmente ouve música constantemente, é provável que você se sinta mais saudável e menos depressivo do que pessoas que não o fazem. É o que diz um estudo, feito com aproximadamente 50 mil indivíduos de níveis sócio-econômicos diversos, e conduzido pela Universidade Norueguesa de Ciência e Tecnologia, coletou questionários, exames clínicos e perfis de saúde detalhados dos participantes.

“Há uma relação positiva, a que parece, entre participação em eventos culturais ou artísticos e saúde percebida, tanto para homens como para mulheres”, diz Jostein Holmen, um dos pesquisadores envolvidos no estudo amplo. “Para os homens há também uma contribuição bastante positiva na luta contra a depressão, pois os dados mostraram que há menos sentimentos depressivos naqueles que participavam de atividades culturais, o que não se mostrou verdadeiro para as mulheres participantes.”

Holmen também aponta que os benefícios encontrados para o controle da depressão não se mostraram verdadeiros quando a pessoa sofria de ansiedade.

Mas o dado mais importante, dizem os pesquisadores, é o fato de que a descoberta dessa ligação entre participação cultural e saúde foi observado em todos os níveis sócio-econômicos: independente da classe social, ter contato com as artes, teatro ou música – como participante ou como espectador – trouxe...

Clique aqui para ler este artigo em SIS Saude

.

SIS.SAÚDE - Sistema de Informação em Saúde - Brasil - Rua Cel. Corte Real, 75 - Bairro Petrópolis - 90630-080 Porto Alegre-RS
O SIS.Saúde tem o propósito de prestar informações em saúde, não é um hospital ou clínica.
Não atendemos pacientes e não fornecemos tratamentos.
Administração do site e-mail: contato@sissaude.com.br. (51) 8575.3535