.
 

Melhorando a resistência do idoso Corumbá, Mato Grosso do Sul

Estudo constatou que, idosos que fazem trabalhos voluntários ficam menos debilitados na velhice. "A fragilidade é uma condição geriátrica marcada pela baixa energia e pouca atividade física, os resultados do novo estudo mostram que o voluntariado pode trazer benefícios contra essa condição", destaca o autor.

Mais Campo Grande Ms
(67) 3322-2100
Pedro Celestino 2670
Campo Grande, Mato Grosso do Sul
Especialidade
Medicina de Família e Comunidade

Dados Divulgados por
Miguel R. de Azambuja-Me Lab. Sao Lucas
(67) 3521-3076
Rua Paranaiba 1214 - B
Tres Lagoas, Mato Grosso do Sul
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Kazuko Kakitani Iguma
(67) 3422-8222
R Camilo Ermelindo da Silva 459
Dourados, Mato Grosso do Sul
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Luiz Fernando Azambuja
(67) 3422-1753
Rua Toshinobu Katayama, 1305
Dourados, Mato Grosso do Sul
Especialidade
Pneumologia

Intituto Prenção Do Envelhecimento
(67) 3423-2103
major capilé 1965, sala 03
dourados, Mato Grosso do Sul
Especialidade
Depilação a Laser e Estética Facial e Corporal

Maria Abrahao N. Ribeiro Lab. Biovida
(67) 3521-9694
Rua Joao Carrato 208
Tres Lagoas, Mato Grosso do Sul
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Stela Regina Vidigal
(67) 3421-4329
Av.Presidente Vargas 1430
Dourados, Mato Grosso do Sul
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Lucia Maia Peron
(67) 3325-4041
R Rua da Paz 561 - Sala 04
Campo Grande, Mato Grosso do Sul
Especialidade
Nutrologia

Dados Divulgados por
Centro Clínico Saúde Integrada
(67) 3321-2600
r 26 Agosto, 2070 Amambaí
Campo Grande, Mato Grosso do Sul

Dados Divulgados por
MASSAGEM TERAPÊUTICA E RELAXANTE COM ALENCASTRO
(67) 9981-6620 3321-1632
RUA 15 DE NOVEMBRO, 1592 - CENTRO
CAMPO GRANDE MS, Mato Grosso do Sul
Especialidade
MASSAGEM

Dados Divulgados por

Melhorando a resistência do idoso

Fornecido por: 



14/01/2010

Idosos que fazem trabalhos voluntários ficam menos debilitados na velhice, diz estudo

Segundo estudo recente da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, participar de trabalhos voluntários pode ajudar a prevenir a fragilidade e a incapacidade na velhice

Ajudar outras pessoas pode fazer bem para a própria saúde. Segundo estudo recente da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, participar de trabalhos voluntários pode ajudar a prevenir a fragilidade e a incapacidade na velhice. A fragilidade é uma condição geriátrica marcada por perda de peso, baixa energia e força e pouca atividade física. E os resultados do novo estudo mostram que o voluntariado pode trazer benefícios contra essa condição.

Os pesquisadores avaliaram mais de mil adultos saudáveis com idades entre 70 e 79 anos no período entre os anos de 1988 e 1991, visando determinar se atividades produtivas – especificamente o voluntariado (28% dos participantes), o trabalho pago (19%) e cuidar de crianças (25%) – poderiam prevenir o início da fragilidade no idoso.

Após três anos, os participantes de todas as três atividades apresentaram serem menos propensos a se tornarem "frágeis". Considerando os níveis de atividades físicas e a função cognitiva dos idosos, os pesquisadores descobriram que apenas aqueles que faziam trabalhos voluntários apresentavam as menores taxas de fragilidade.

Em artigo publicado recentemente no Journal of Gerontology: Social Sciences, os pesquisadores destacam, porém, que um teste randomizado é necessário para determinar se o voluntariado por si só pode evitar o início da fragilidade, ou se há algo relacionado ao estilo de vida das pessoas que se engajam em trabalhos voluntários que os mantêm mais distante de ficarem debilitados na velhice.

Fonte:Journal of Gerontology: Social Sciences. 16 de dezembro de 2009.


Autor:
Fonte: Boa Saúde


Clique aqui para ler este artigo na SIS.Saúde

.

SIS.SAÚDE - Sistema de Informação em Saúde - Brasil - Rua Cel. Corte Real, 75 - Bairro Petrópolis - 90630-080 Porto Alegre-RS
O SIS.Saúde tem o propósito de prestar informações em saúde, não é um hospital ou clínica.
Não atendemos pacientes e não fornecemos tratamentos.
Administração do site e-mail: contato@sissaude.com.br. (51) 8575.3535