.
 

Melhorando a qualidade de vida do idoso Boa Vista, Roraima

Conheça as atividades que contribuem para o bem-estar do idoso. O autor descreve as atitudes necessárias para aumentar a resistência e longevidade na terceira idade. Confira as recomendações.

Clínica Repouso Campo Belo Ltda
(212) 442-1960
etr dos Bandeirantes, 9916, Curicica
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
 
Clínica de Repouso Londrina SA Ltda
(43) 321-5800
r Professor João Candido, 898, Centro
Londrina, Paraná
 
Clínica de Repouso Santa Edwiges Ltda
(213) 317-7425
r Aristides Gouvêa, 62
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
 
Viva A Vida Residência para Idosos
(212) 627-2811
r Boaventura, 611, Baldeador, Niterói
Nova Iguaçu, Rio de Janeiro
 
Angela CB Françolin
(61) 327-6387
st Srtvn, 521, Setor De Rádio E Televisão Norte
Brasília, DF
 
Casa Maria Auxiliadora
(123) 152-4612
pc M C C Mor, 48
Lorena, São Paulo
 
Willian Khairallah
(114) 016-4127
av Jaquei, 22
Jarinu, São Paulo
 
Lar Recanto da Vovó
(113) 681-3379
r João Collino, 39, Centro
Osasco, São Paulo
 
Bem Viver Pousada Geriátrica Ltda
(212) 710-5891
r Miguelote Viana,Comdt, 133, Icaraí, Niterói
Nova Iguaçu, Rio de Janeiro
 
Casa de Repouso Vida & Amor
(193) 242-3273
r Antonio Maria Brandão,Dr, 56, JD Eulina
Campinas, São Paulo
 

Melhorando a qualidade de vida do idoso

Fornecido por: 



18/02/2009

Bem-estar na Terceira Idade

O idoso saudável é aquele que está bem física, mental e espiritualmente, mantendo-se ativo e produtivo

Uma vez o famoso escritor russo Liev Tolstoi disse que "A velhice é a maior surpresa (desagrádavel) para o homem". De certa forma, ele tinha razão. Entretanto, com o avanço da Medicina, já é possível chegar à terceira idade desfrutando de uma boa saúde ou seja, estar ativo e bem física, mental e espiritualmente. Para o geriatra do Hospital Nossa Senhora das Graças, Dr. Luiz Antônio da Silva Sá, para chegar com boa saúde na terceira idade é preciso ter conscientização e prevenção muito antes do que se imagina. “É na infância que começa o aprendizado para criar bons hábitos para ter um envelhecimento saudável. No Japão, por exemplo, a Geriatria Preventiva começa aos seis anos de idade. Num país como o nosso deve se iniciar o mais breve possível, não passando da juventude”, afirma. Geralmente é por volta dos 60 anos que os idosos sentem as mudanças no organismo. Começam a conviver com a diminuição da visão e da audição, alterações da memória e odontológicas, insônia entre outras características. Aceitar e saber lidar com as modificações inerentes ao envelhecimento é o primeiro passo para viver bem. Segundo o médico Luiz Antônio, um dos maiores problemas é que o idoso, de maneira geral, é um desidratado crônico. “Percebemos que esses pacientes ingerem pouco líquido. O ideal é tomar, no mínimo, um litro e meio de água ou suco natural, por dia”. A alimentação deve ser farta de frutas e verduras e reduzida de açúcar e sal. Outros ítens também são indispensáveis, como: manter-se produtivo, ter convívio social, fazer atividade física e ter bom relacionamento familiar. Para o médico, deve-se evitar afastar o idoso do seu meio familiar. A sugestão é frequentar centros de convivência, clubes da terceira idade, mas evitar asilos. Doenças da Terceira Idade: Há doenças que, mesmo com a prevenção, podem surgir na terceira idade principalmente as de cunho genético, como diabetes e osteoporose. Porém, tomando alguns cuidados, essas doenças podem ter seus efeitos minimizados. De acordo com o Dr. Sá devemos levar em conta que o envelhecimento depende de dois fatores básicos: o genético (imutável) e o meio ambiente, que pode ser mudado a nosso favor. Segundo o Ministério da Saúde as do...

Clique aqui para ler este artigo na SIS.Saúde

.

SIS.SAÚDE - Sistema de Informação em Saúde - Brasil - Rua Cel. Corte Real, 75 - Bairro Petrópolis - 90630-080 Porto Alegre-RS
O SIS.Saúde tem o propósito de prestar informações em saúde, não é um hospital ou clínica.
Não atendemos pacientes e não fornecemos tratamentos.
Administração do site e-mail: contato@sissaude.com.br. (51) 8575.3535