.
 

Loja de Cosméticos Fortaleza, Ceará

Encontre endereços e telefones de loja de cosméticos em Fortaleza. Aproveite para obter dicas e mais informações sobre o assunto em nossos artigos com tutoriais.

CLÍNICA DRA. NADLA MELO
(85) 3491-4353
Rua Alan Kardec, 670 - Montese
Fortaleza, Ceará
 
salão
(085) 33712884
rua 45 nº 143-a
maracanaú, Ceará
 
cabeleireiros
(85) 8524-8449
rua 49 casa 126
maracanau, Ceará
 
Casa Profantil
(85) 276-5270
av José Hipolito, 959, Messejana
Fortaleza, Ceará
 
Dococel Distr de Cosméticos do Ceará Ltda
(85) 252-3590
vl Pompeu, 2037, Meireles
Fortaleza, Ceará
 
perfumaria contro-tippo
(85) 9975-8945
robertoarruda2005@hotmail.com
fortaleza, Ceará
 
windys cabelereira
(88) 8845-6047
rua do cruzeiro - 396
juazeiro do norte, Ceará
 
Bell Soft
(85) 214-1578
av Presidente Castelo Branco, 2104, Moura Brasil
Fortaleza, Ceará
 
Cm2 Cosméticos Ltda
(85) 267-3271
r Mest Jerônimo, 233, ap 103
Fortaleza, Ceará
 
Coml Jeda
(85) 296-1088
r Carlos Studart, 651, Maraponga
Fortaleza, Ceará
 

Loja de Cosméticos

Fornecido por: 

A venda de gel antisséptico para limpeza de mãos disparou no País. O interesse pelo produto ganhou força com a recomendação do Ministério da Saúde de que lavar as mãos frequentemente é uma das atitudes que ajudam a evitar o contágio pelo vírus da gripe suína. Fabricantes informam crescimento de até 300% na produção do antisséptico e alguns revendedores já encontram dificuldade em repor o estoque do produto.

"Estamos vivendo um boom no consumo de produtos de higiene para as mãos", diz a diretora da Doctor Clean, líder de mercado no segmento, Fabiana Tichauer. "A venda cresceu bastante e as grandes redes também aumentaram o volume de pedidos", completa. "Vivemos uma explosão no mercado. Não temos nem mais tempo para quantificar o número de pedidos", diz Marcelo Marino, diretor da Hi Clean, uma das grandes empresas de produtos de higienização.

O ramo de gel antisséptico começou a passos lentos no Brasil. Enquanto nos Estados Unidos e na Europa o produto se tornou mania entre os consumidores, os brasileiros tiveram certa resistência em substituir a água e o sabonete para a limpeza das mãos. O que parecia ser um negócio destinado a um mercado incipiente, entretanto, ganhou fôlego desde o início de abril, quando foi noticiado o surto de gripe suína no México.

A busca por alternativas de prevenção à doença levou muitos consumidores a procurar produtos de higienização no mercado. "Não é sempre que um indivíduo tem à disposição água e sabão. O gel é uma maneira rápida e eficiente de fazer a higiene", explicou Fabiana. "Além do mais, acaba virando costume. Junto com a escova de dente e o fio dental, muitos já levam o produto na bolsa", completou.

Introdutora do gel antisséptico no País em 1995, em um primeiro momento destinado apenas a médicos e dentistas, a Doctor Clean registrou no segundo trimestre deste ano um salto de 300% na fabricação do produto, em comparação aos três primeiros meses do ano. "A gripe deu impulso ao mercado", reconhece a diretora da marca. Para que o produto siga em ascensão no mercado, tornando-se mais que uma alternativa de prevenção à gripe, Fabiana planeja dobrar até agosto a produção do gel. Hoje, ela está próxima do limite de 15 mil unidades ao dia. "Estamos contratando funcionários temporários e incrementando a produ&...

Clique aqui para ler este artigo na SIS.Saúde

.

SIS.SAÚDE - Sistema de Informação em Saúde - Brasil - Rua Cel. Corte Real, 75 - Bairro Petrópolis - 90630-080 Porto Alegre-RS
O SIS.Saúde tem o propósito de prestar informações em saúde, não é um hospital ou clínica.
Não atendemos pacientes e não fornecemos tratamentos.
Administração do site e-mail: contato@sissaude.com.br. (51) 8575.3535