.
 

Evitando acidentes cardiovasculares Caririaçu CE

Saiba como cuidar da saúde do coração. "A ingestão de potássio reduz risco de infarto do miocárdio e acidente vascular cerebral", destaca o autor. Compreenda os detalhes sobre a prevenção de infartos e derrames.

Eduardo Teixeira Lopes
511-0669
Rua Sao Francisco 314
Juazeiro Do Norte, Ceará
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Rui Fernandes de Sousa
3458-1391
Av Dom Luis 500
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Jose Gerardo Mont Alverne Parente
Av Dom Jose 850
Sobral, Ceará
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Raquel Bezerra de Menezes Gondim
(85) 3257-5566
Rua Silva Paulet 2690
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Raimundo Nonato Bastos Araujo
3264-0449
Av Santos Dumont 3131
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Jonas Rodrigues de Lima
521-4783
Crato, Ceará
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Zenar Maria Ribeiro Mendes
3264-1000
R Rocha Lima. 1170
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Regina Coeli M de Carvalho
3087-7219
Av Dom Luis 500
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Ricardo Pereira Silva
3458-1672
Av Santos Dumont 5633
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Ricardo Leite Vieira Costa
R Republica do Libano 747
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Evitando acidentes cardiovasculares

Fornecido por: 



15/03/2009

Coração

Ingestão de potássio reduz risco de infarto do miocárdio e acidente vascular cerebral

O Jornal Folha de São Paulo publicou em janeiro matéria no caderno de saúde informando que o aumento do consumo de potássio, combinado à conhecida orientação de redução de sal, provoca melhores efeitos à saúde cardiovascular. A conclusão é resultado de um estudo publicado neste mês no “Archives of Internal Medicine”, realizado com 2.974 pacientes pré-hipertensos.

Os pesquisadores analisaram a excreção de sódio e de potássio na urina dos pacientes para estabelecer uma relação entre a ingestão desses minerais e a ocorrência de eventos cardiovasculares relacionados à pressão alta, como infarto e acidente vascular cerebral (AVC). Os melhores resultados foram encontrados ao combinar baixa ingestão de sódio com alto consumo de potássio. Nesse caso, as chances de o paciente desenvolver algum problema cardiovascular foi até 50% menor. Ao avaliar somente a redução de sódio no organismo (sem aliar a maior consumo de potássio), os pesquisadores de cinco instituições dos EUA constataram que os participantes com baixa ingestão do mineral tiveram 20% menos risco de sofrer AVC ou infarto.

O potássio ajuda a promover a dilatação dos vasos e melhora o fluxo sanguíneo. Além disso, o mineral melhora a sensibilidade à insulina, o que pode ajudar pacientes que desenvolveram resistência ao hormônio. As principais fontes de potássio são os alimentos ricos no mineral, como melão e tomate, e os sais que substituem o sal de cozinha convencional, conhecidos no mercado como ‘light’.

Muito mais que por afirmações autoritárias, a medicina moderna guia-se por detecção de evidências a partir de observações clínicas confiáveis. Recente publicação nos Archives of Internal Medicine de um estudo de 2.974 paciente pré-hipertensos, demonstra que combinar baixa ingestão de sódio com alta de potássio reduz 50% o risco de desenvolver infarto e acidente vascular cerebral, enquanto que a baixa ingestão isolada de sódio reduz em apenas 20% esses mesmos desfechos. Isso valida condutas que muitos médicos já vinham recomendando a seus pacientes. Por quê?

Há muito tempo sabe-se, por meio de extensa literatura médica, que excesso de sódio retém líquido no organismo, ajuda a formar edemas e enrijece as artérias, facilitando o aparecimento e/ou o agravamento de hipertensão arterial sistêmica, e que hipertensão l...

Clique aqui para ler este artigo na SIS.Saúde

.

SIS.SAÚDE - Sistema de Informação em Saúde - Brasil - Rua Cel. Corte Real, 75 - Bairro Petrópolis - 90630-080 Porto Alegre-RS
O SIS.Saúde tem o propósito de prestar informações em saúde, não é um hospital ou clínica.
Não atendemos pacientes e não fornecemos tratamentos.
Administração do site e-mail: contato@sissaude.com.br. (51) 8575.3535