.
 

Entendendo o câncer de mama Careiro da Várzea AM

Entenda sobre o câncer de mama. Especialista comenta sobre o método diagnóstico dessa doença. Compreenda outros detalhes acerca dessa patologia.

Henrique G Oliveira
(212) 714-1703
r Mario Alves, 61, Icaraí, Niterói
Nova Iguaçu, Rio de Janeiro
 
Assoc dos Funcionários do Banco Real
(71) 378-6586
av Amarilio Tiago Santos, 1278
Lauro de Freitas, Bahia
 
Canoas Tênis Clube
(51) 472-1635
r Sete Povos, Marechal Rondon
Canoas, Rio Grande do Sul
 
Orlando Harada
(41) 224-5095
r Celestino Junior, 527, São Francisco
Curitiba, Paraná
 
Juarez F Braga
(17) 522-0001
r Manaus, Centro
Catanduva, São Paulo
 
Academia Sol Nascente Sc Ltda
(114) 612-2109
av Eid Mansur, 262
Granja Viana, São Paulo
 
José P Sabiá
(88) 511-4517
r Cruzeiro, 901, Centro
Juazeiro do Norte, Ceará
 
João C Meio
(85) 248-5694
r Silva Jatahy, 15, sl 401, Meireles
Fortaleza, Ceará
 
Cydia AP Souza
(212) 447-3870
est Jacarepagua, 7655, Itanhanga
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
 
Sheila Bernardino Fenelon
(343) 236-5165
r Marq Povoa, 70
Ituiutaba, Minas Gerais
 

Entendendo o câncer de mama

Fornecido por: 



23/07/2009

Câncer de Mama

Entrevista com especialista revela os cuidados ao diagnosticar a doença

Entrevista com a psicóloga Cíntia Bragheto Ferreira, Doutora em Enfermagem e Saúde Pública pela Universidade de São Paulo. Possui mestrado em Enfermagem e Saúde Pública pela Universidade de São Paulo. Graduação em Psicologia pela Universidade Federal de Uberlândia. Experiência na área de Psicologia com concentração em Psicologia da Saúde e ênfase em intervenção terapeutica, atuando em temas como o câncer de mama

Quais os fatores de risco para o desenvolvimento do câncer de mama?

Mulheres e homens (2% dos casos) podem desenvolver câncer de mama. Segundo dados do Instituto Nacional do Câncer, os principais fatores de risco para câncer de mama são: histórico familiar (quando mãe, irmã ou tia já tiveram câncer de mama, existe uma probabilidade maior de um descendente desenvolver a doença); obesidade; alimentação inadequada (dieta rica em gorduras, embutidos e enlatados); tabagismo e faixa etária elevada (após a menopausa), embora a cada ano o câncer de mama acometa mulheres mais jovens. Somado a isso, podemos citar situações de grande estresse e mágoas represadas. Isso não significa que todas as pessoas expostas a esses fatores de risco desenvolverão a doença. O câncer é, sim, uma doença multicausal, isto é, não há um único fator apenas que cause o problema.

Para se protegerem, as mulheres podem se submeter mensalmente ao autoexame das mamas, que preferencialmente deve ser realizado uma semana após a menstruação, visto que é o período no qual as mamas ficam menos densas, e anualmente ao exame clínico, realizado por um profissional especializado, o qual poderá indicar a realização de mamografia periodicamente, se for o caso, ou mesmo a ultrassonografia das mamas. Todas essas medidas são importantes para o aumento das chances de diagnóstico precoce, quando então a doença é mais facilmente tratada.

Como posso me preparar para uma consulta médica na qual receberei a confirmação ou não de que estou com câncer de mama?

A espera por essa consulta costuma ser bastante angustiante e é um momento apontado na literatura como um dos mais estressantes de todos, pelo fato do câncer ainda ser frequentemente associado ao sofrimento e à morte. Sendo assim, durante os dias que antecedem a consulta: tente realizar sua rotina diária normalmente; procure fazer coisas que lhe tragam prazer; anote todas as perguntas que você queira esclarecer com se...

Clique aqui para ler este artigo na SIS.Saúde

.

SIS.SAÚDE - Sistema de Informação em Saúde - Brasil - Rua Cel. Corte Real, 75 - Bairro Petrópolis - 90630-080 Porto Alegre-RS
O SIS.Saúde tem o propósito de prestar informações em saúde, não é um hospital ou clínica.
Não atendemos pacientes e não fornecemos tratamentos.
Administração do site e-mail: contato@sissaude.com.br. (51) 8575.3535