.
 

Depressão pode predizer eventos cardiovasculares Poços de Caldas, Minas Gerais

Estudo constatou que a depressão e a ansiedade podem ser sintomas de problemas cardiovasculares. "Entre mulheres com suspeita de isquemia miocárdica, o valor dos sintomas de depressão para a predição dos eventos cardiovasculares é variável de acordo com a gravidade da ansiedade", cita o autor. Confira os detalhes da pesquisa.

Wilson Valerio Bonora
(35) 3721-5574
R Pernambuco 548
Pocos de Caldas, Minas Gerais
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Rogério Santana
(33) 3271-6470
R. Barão do Rio Branco 681 - Sala 601
Governador Valadares, Minas Gerais
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Leonardo Pereira Bastos
(33) 3271-1077
R Barao do Rio Branco 461 - Sala 806
Governador Valadares, Minas Gerais
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Maria Iracema Uchoa Resende
(32) 3371-1025
R. Dr. Manoel Esteves 100
Sao Joao del Rei, Minas Gerais
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Weder de Moura Lima
3295-3049
R Timbiras 3109 - Sala 601
Belo Horizonte, Minas Gerais
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Minascor - Inst. de Intervencao Cardiovascular
(35) 3221-2000
Av Rui Barbosa 158
Varginha, Minas Gerais
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Dauro de Abreu Rodrigues da Cunha
(34) 3332-2839
Av.Leopoldino de Oliveira 2599 - 1000
Uberaba, Minas Gerais
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Regina Coeli Machado
323-2156
Av Rio Branco 2288 - 401 e 507
Juiz de Fora, Minas Gerais
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Dilson Martins de Deus
(34) 3242-8100
R. Rio Branco 125
Araguari, Minas Gerais
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Geraldo Magela Gomes Ferrari
(33) 3371-3244
R Barao do Rio Branco 681 - Sala 704
Governador Valadares, Minas Gerais
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Depressão pode predizer eventos cardiovasculares

Fornecido por: 



15/01/2010

Sintomas de depressão e ansiedade podem predizer eventos cardiovasculares, diz estudo

A pesquisa foi recentemente publicada na revista Psychosomatic Medicine

Entre mulheres com suspeita de isquemia miocárdica, o valor dos sintomas de depressão para a predição dos eventos cardiovasculares é variável de acordo com a gravidade da ansiedade, segundo pesquisa recentemente publicada na revista Psychosomatic Medicine. Estes resultados, de acordo com os autores, sugerem que a utilidade clínica das medidas de depressão pode ser melhorada através da utilização combinada com medidas de ansiedade.

Pesquisadores norte-americanos avaliaram os efeitos independentes e interativos da depressão e ansiedade como preditores de doença cardiovascular em uma amostra de 489 mulheres com suspeita de isquemia miocárdica. As participantes completaram o protocolo de avaliação basal, que incluiu angiografia coronariana, avaliação dos fatores de risco para doença cardiovascular, e medidas de sintomas de depressão e ansiedade através do Beck Depression Inventory (BDI) e do State Trait Anxiety Inventory (STAI). E foram acompanhadas por um período médio de 5,9 anos para a identificação da prevalência de acidente vascular encefálico, infarto agudo do miocárdio, insuficiência cardíaca e morte por doença cardiovascular.

Setenta e cinco mulheres (15,3%) apresentaram algum evento de doença cardiovascular, das quais 18 foram óbitos atribuídos a causas cardiovasculares. Foi observado um efeito de interação significativo entre o BDI x STAI na predição de eventos cardiovasculares (p=0,02). E as análises de efeitos simples indicaram que a depressão foi um preditor significativo de eventos cardiovascular entre mulheres com alto nível de ansiedade (HR 0,99).

Fonte: Psychosomatic Medicine. Volume 71, Number 9, 2009. Pages 958-964


Autor:
Fonte: Bibliomed


Clique aqui para ler este artigo na SIS.Saúde

.

SIS.SAÚDE - Sistema de Informação em Saúde - Brasil - Rua Cel. Corte Real, 75 - Bairro Petrópolis - 90630-080 Porto Alegre-RS
O SIS.Saúde tem o propósito de prestar informações em saúde, não é um hospital ou clínica.
Não atendemos pacientes e não fornecemos tratamentos.
Administração do site e-mail: contato@sissaude.com.br. (51) 8575.3535