.
 

Compreenda a importância da prescrição de óculos Cuiabá, Mato Grosso

O oftalmologista Leôncio Queiroz Neto explica que, a presbiopia é caracterizada pela dificuldade para enxergar de perto. Ele alerta que esse problema deve ser corrigido somente com óculos prescritos por oftalmologistas. Entenda porque a compra indiscriminada de óculos de leitura pode causar danos a saúde dos olhos.

Naíra Domingos Sé
(65) 3322-2504
Rua Rua dos Líriosº 525
Cuiaba, Mato Grosso
Especialidade
Nutrologia

Dados Divulgados por
Castro, Maria C D
(65) 3321-5658
r Br Melgaço, 2403
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
Ângela Cristina Fanzeres Monteiro Fortes
(65) 3621-1806
r Dr Clóvis Corrêa Costa, s/n c 201
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
Clínica Médica Mady Ltda
(65) 3625-1491
r Manoel Ramos Lino, 223, Coophamil
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
Antônio M Silva
(65) 3321-4451
r Joaquim Murtinho, 940 Centro Sul
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
Eliane Solange de Souza Pires
(65) 3617-1688
Cuiaba, Mato Grosso
Especialidade
Medicina de Família e Comunidade

Dados Divulgados por
Center Med
(65) 3023-6666
r Gago Coutinho, 359
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
Clínica Genus Ltda
(65) 3642-4742
av Aclimação, 508, Bsq da Saúde
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
Center Clin
(65) 3321-5658
r Br de Melgaço, 2403
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
Audimet Auditoria em Saúde e Medicina do Trabalho
(65) 3321-8725
r Des José Mesquita, 303 Araés
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Compreenda a importância da prescrição de óculos

Fornecido por: 



17/03/2009

Óculos de famácia prejudicam visão

Óculos prontos podem agravar a presbiopia e causar astigmatismo

No Brasil 26% da população tem 40 anos de idade ou mais segundo o último censo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).  Uma das conseqüências deste indicador é o crescimento do consumo de óculos prontos para corrigir presbiopia ou vista cansada que são facilmente encontrados em farmácias, supermercados e até em lojas de conveniência.

De acordo com o oftalmologista do Instituto Penido Burnier, Leôncio Queiroz Neto, a presbiopia, dificuldade para enxergar de perto, é inevitável. Surge por volta dos 40 anos em decorrência do envelhecimento que enrijece a musculatura ocular e o cristalino, diminuindo a capacidade de acomodação, ou foco. Ele diz que 6 em cada 10 présbitas chegam ao consultório usando os populares óculos de farmácia para corrigir o problema.  São atraídos pelo baixo preço e por acreditarem que a doença é um mal menor.  Resultado – Colocam a saúde dos olhos em risco. Isso porque, explica, é a partir desta idade que geralmente surgem o glaucoma e alterações na retina. Para preservar a visão o recomendável é fazer um check-up ocular completo a cada dois anos nesta faixa etária. Além disso, comenta, a única forma segura de garantir correção visual adequada é através da prescrição médica.  Os óculos de farmácia podem até melhorar a visão de perto, ressalta, mas por terem grau aproximado, exigem maior esforço visual. Por isso, explica, podem agravar a presbiopia e provocar dor de cabeça no final do dia. 

O médico afirma que as principais diferenças entre óculos de farmácia e prescritos são: 

ÓCULOS DE FARMÁCIA ÓCULOS PRESCRITOS
- Distância pupilar padrão - Distância pupilar personalizada
- Mesmo grau nas duas lentes - Graus diferentes para cada olho presente na maioria das pessoas
- Avaliação da leitura feita a diferentes distâncias - Avaliação feita sempre na mesma distância
- Frequentes irregularidades na superfície das lentes que podem causar astigmatismo - Lentes com superfície regular
- Grau aproximado que pode agravar a presbiopia - São prescritos com grau correto

CORREÇÂO DE VÍCIOS DE REFRAÇÃO E PRESBIOPIA

  Os problemas não param por aí. Queiroz Neto afirma que um levantamento do CBO (Conselho Brasileiro de Oftalmologia) dem...

Clique aqui para ler este artigo na SIS.Saúde

.

SIS.SAÚDE - Sistema de Informação em Saúde - Brasil - Rua Cel. Corte Real, 75 - Bairro Petrópolis - 90630-080 Porto Alegre-RS
O SIS.Saúde tem o propósito de prestar informações em saúde, não é um hospital ou clínica.
Não atendemos pacientes e não fornecemos tratamentos.
Administração do site e-mail: contato@sissaude.com.br. (51) 8575.3535