.
 

Centro de Pediatria Mogi Mirim, São Paulo

Encontre centro de pediatria em Mogi Mirim. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região, aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Maria Heloisa Rached Palermo
(16) 3721-4425
Rua Dr. Fernando Falleiros de Lima 2233
Franca, São Paulo
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Matheus Stucchi Salles
(16) 342-1693
R Fagundes Varela 314 - Vila Seixas
Ribeirao Preto, São Paulo
Especialidade
Medicina de Família e Comunidade

Dados Divulgados por
Alberto Soares da Costa
(11) 4229-6557
Rua Conceição 769
Sao Caetano Do Sul, São Paulo
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Regina Maria Caramuru Moreno
(11) 3233-5333
Rua Santa Clara 105
Sorocaba, São Paulo
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Vera Lucia Leite Bonfitto
Rua Tiradentes 848 - Ed. Tecnal
Piracicaba, São Paulo
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Vanderley Alfredo Madeira da Fonseca
(11) 5542-9244
Jacucaim 104
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Paulo José Rossi Salles
(17) 3232-3987
Rua Voluntários de São Paulo 3598
Sao Jose Do Rio Preto, São Paulo
Especialidade
Nutrologia

Dados Divulgados por
Endrigo Emanuel Giordani
(11) 8635-3195
Dr. Altino Arantes 870
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Medicina Intensiva

Dados Divulgados por
Júlio da Silva Pinto
(19) 3232-9971
Rua Bernardo Jose Sampaio 339 - 3º Andar - Cj 34
Campinas, São Paulo
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Leonardo Parr S. Fernandes
(14) 2105-4560
R. Dr. Próspero Cecílio Coimbra 80 sala 5- 2° andar
Marilia, São Paulo
Especialidade
Medicina Interna

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Centro de Pediatria

Fornecido por: 

Inalar ou engolir um objeto estranho geralmente provoca asfixia em bebés e em crianças com mais de um ano de idade. Os sintomas são incapacidade de respirar ou chorar, tosse ineficaz e o rosto começa a ficar azul.

Prevenção: A idade de maior risco para as crianças asfixiarem até a morte é de 3 ou menos. As crianças nesta faixa etária têm uma tendência natural de explorar as coisas, com as suas bocas. Para reduzir o risco de acidentes, certifique-se que as crianças não entrem em contato com moedas, botões, balas pequenas, pipoca, uva, nozes ou sementes. Também evite que elas tenham contato com brinquedos que possuam peças pequenas.

Se uma criança é asfixiada busque imediatamente a emergência. Ligue para o 190 ou o sistema de emergência médica de sua cidade.  
Autor:
Fonte: Universidade de Iowa, Estados Unidos


Clique aqui para ler este artigo na SIS.Saúde

.

SIS.SAÚDE - Sistema de Informação em Saúde - Brasil - Rua Cel. Corte Real, 75 - Bairro Petrópolis - 90630-080 Porto Alegre-RS
O SIS.Saúde tem o propósito de prestar informações em saúde, não é um hospital ou clínica.
Não atendemos pacientes e não fornecemos tratamentos.
Administração do site e-mail: contato@sissaude.com.br. (51) 8575.3535