.
 

Centro de Nutrição Nossa Senhora do Socorro, Sergipe

Encontre centro de nutrição em Nossa Senhora do Socorro. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região, aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Academia Cia do Corpo
(79) 3217-6474
r Oscar Valóis Galvão, 51, Grageru
Aracaju, Sergipe

Dados Divulgados por
Academia Damasios
(79) 3224-6561
r Porto Folha, 1061, Getúlio Vargas
Aracaju, Sergipe

Dados Divulgados por
Vmm Academia Ltda
(79) 3247-1250
r Luiz Carlos de Aguiar Machado, 67, Cj Residencial Santa Lucia, Jabotiana
Aracaju, Sergipe

Dados Divulgados por
Academia Askase
(79) 3214-0858
r Maruim, 600, Centro
Aracaju, Sergipe

Dados Divulgados por
Academia Carlos Smhit
(79) 3217-3229
r Tarso Sobral, 239, Grageru
Aracaju, Sergipe

Dados Divulgados por
Academia Atlântica
(79) 3223-1434
r João Carvalho Aragão, 50, Atalaia
Aracaju, Sergipe

Dados Divulgados por
Academia da praia
(79) 3243-2888
r Dep Clóvis Rolemberg, 480, Atalaia
Aracaju, Sergipe

Dados Divulgados por
Academia de Ginastica Forma Fitness Ltda
(79) 3241-1174
r Paraíba, 1070, Cs, Novo Paraíso
Aracaju, Sergipe

Dados Divulgados por
Academia Body Slim
(79) 3248-6967
r Maria Lourdes R Gonçalves, 261, Conjunto Augusto Franco
Aracaju, Sergipe

Dados Divulgados por
Academia de Musculação Flexgym
(79) 3246-5178
av Anísio Azevedo, 701, 13 De Julho
Aracaju, Sergipe

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Centro de Nutrição

Fornecido por: 

O chocolate, por exemplo, contém também a anandamida, substância que se liga aos mesmos receptores em que a maconha exerce seus efeitos no cérebro" Alimentos com altos teores de carboidratos e gorduras têm grande poder de estimular nossos centros cerebrais relacionados ao prazer e à sensação de nos sentirmos recompensados, promovendo a liberação de neurotransmissores como a dopamina, serotonina e a endorfina.

Sabemos que a ativação desses centros de recompensa cerebral está fortemente associada à sensação de bem-estar e, recentemente, uma pesquisa chegou a demonstrar que o simples contato na boca de uma solução de carboidratos, sem sua ingestão, é capaz de ativar esse sistema de recompensa, fenômeno demonstrado através de ressonância magnética funcional.

Vale lembrar que o cérebro também pode se sentir altamente recompensado com alimentos que não têm nada de calóricos, mas que evocam prazer pelo paladar, olfato, visual do prato, e até mesmo pelo ambiente e a companhia na refeição.

Além disso, alguns alimentos como o café e o chocolate contêm substâncias chamadas de aminas biogênicas (ex: cafeína, teobromina) que também têm alto poder de estimular o sistema de recompensa cerebral. O chocolate, por exemplo, contém também a anandamida, substância que se liga aos mesmos receptores em que a maconha exerce seus efeitos no cérebro. O chocolate ainda faz com que a anandamida produzida pelo nosso corpo tenha efeito mais duradouro.

Recentemente foi demonstrado que o consumo de chocolate ainda é capaz de reduzir os níveis de hormônios do estresse, tanto o cortisol quanto a adrenalina, e isso ajuda a promover a sensação de bem-estar.

Relação entre consumo de peixe, omega 3, bom humor e depressão

Quanto ao poder de melhorar o funcionamento do cérebro, de todos os nutrientes pesquisados até o momento, o ômega 3 é o que mostra resultados mais consistentes. Sabemos que os ácidos graxos da família ômega 3, mais especificamente o ácido docosahexanóico (DHA), são de extrema importância para o cérebro, por serem os mais abundantes nas membranas das células cerebrais. Essa é uma ótima razão para se consumir peixes como o salmão, a sardinha e o atum, que além de serem as maiores fontes alimentares de ô...

Clique aqui para ler este artigo na SIS.Saúde

.

SIS.SAÚDE - Sistema de Informação em Saúde - Brasil - Rua Cel. Corte Real, 75 - Bairro Petrópolis - 90630-080 Porto Alegre-RS
O SIS.Saúde tem o propósito de prestar informações em saúde, não é um hospital ou clínica.
Não atendemos pacientes e não fornecemos tratamentos.
Administração do site e-mail: contato@sissaude.com.br. (51) 8575.3535