.
 

Cães e gatos podem ser bons presentes para idosos Aquiraz CE

Entenda porque o animal de estimação é considerado um bom presente para o idoso. O geriatra Alexander Fiuza comenta os benefícios da convivência dos idosos com gatos ou cachorros. "Cuidar de um bicho de estimação proporciona a atividade diária e melhora a qualidade de vida dos idosos", cita o autor.

Clínica veterinária Dr. Bruno Lacerda
(88) 3511-7265
Rua São Paulo 1305
Juazeiro do Norte, Ceará
 
Salão de Beleza Mundo Animal
(85) 257-4824
r Visconde de Mauá, 3035, lj 4, Meireles
Fortaleza, Ceará
 
Ana CB C Pontes
(85) 423-2245
av Dom Aureliano Matos, 2767
Limoeiro do Norte, Ceará
 
Jotapires Repres Ltda
(85) 281-0028
r Eretides Martins, 1024, Vila Ellery
Fortaleza, Ceará
 
JB Guerra Prod Veterianarios
(85) 294-0478
av Ministro Albuquerque Lima, 7288, et 1, Conjunto Ceará
Fortaleza, Ceará
 

Cães e gatos podem ser bons presentes para idosos

Fornecido por: 



14/12/2009

Cães e gatos podem ser o presente perfeito para idosos

Afagar um gato ou brincar com um cachorro relaxa as pessoas

Quando for escolher um presente para um parente idoso, considere a ideia de um pequeno bicho de estimação, como um cão de pequeno porte ou um gato. Um “pet” pode proporcionar companhia, uma fonte inesgotável de assuntos para conversar com a vizinhança e mesmo melhorar a saúde mental do idoso, diz Alexander Fiuza, geriatra da Matrix H.C., nos EUA.

“Um gato ou um cachorro podem ser um presente perfeito para uma pessoa idosa”, diz Fiuza. “Um bicho de estimação pode oferecer amor incondicional e algum tipo de conexão emocional, o que é muito importante para alguém que vive sozinho ou sente falta de companhia.”

Cuidar de um bicho de estimação também pode mudar alguns hábitos no estilo de vida desses idosos, proporcionando uma atividade diária, como levar um cachorro para passear ou brincar de esconde-esconde com um gato. “Afagar um gato ou brincar com um cachorro relaxa as pessoas”, explica Fiuza. “Ao proporcionar um alívio, em algum grau, do estresse diário, os bichos de estimação contribuem para a melhora na qualidade de vida do idoso.”

Fiuza aponta ainda que estudos clínicos mostraram que ter um animal de estimação também promove uma melhora na saúde física do dono, como diminuição da pressão sanguínea e redução do colesterol, por conta do exercício promovido nas atribuições de cuidado..

“Por isso, no próximo Natal, um presente que promova companhia por vários anos para uma pessoa querida pode ser a melhor opção”, completa Fiuza.


Autor: Imprensa
Fonte: O que eu tenho?


Clique aqui para ler este artigo na SIS.Saúde

.

SIS.SAÚDE - Sistema de Informação em Saúde - Brasil - Rua Cel. Corte Real, 75 - Bairro Petrópolis - 90630-080 Porto Alegre-RS
O SIS.Saúde tem o propósito de prestar informações em saúde, não é um hospital ou clínica.
Não atendemos pacientes e não fornecemos tratamentos.
Administração do site e-mail: contato@sissaude.com.br. (51) 8575.3535